Crédito com Garantia de Imóvel

Você conhece o home equity? Entenda o que é

A cada dia que passa mais tipos diferentes de crédito surgem no Brasil. O home equity é um desses novos meios de fazer empréstimos. A modalidade vem conquistando muitos adeptos, pois além de estar disponível para as pessoas físicas, também pode ser utilizada por pessoas jurídicas.

Na prática, no home equity o solicitante oferece como garantia do empréstimo um imóvel, que pode ser uma propriedade comercial ou residencial. A oportunidade está disponível para quem precisa levantar recursos para diversas finalidades, visto que nessa modalidade não existem exigências quanto ao uso do dinheiro.

Deseja entender como o home equity funciona e saber o que levar em consideração na hora de escolher a empresa de crédito certa? Continue a sua leitura!

O que é home equity?

O home equity nada mais é do que um empréstimo com garantia de imóvel. Nesse caso, a pessoa pede um empréstimo correspondente a até 60% do valor do bem, conforme Resolução nº 4.271/2013. Essa propriedade fica como garantia de pagamento, sem que a pessoa tenha que vender ou sair dela. Os pagamentos são mensais e o melhor de tudo é que as parcelas cabem no bolso de qualquer pessoa.

Tal modalidade já é muito utilizada no exterior e agora está sendo ofertada no Brasil. Os valores solicitados podem ser destinados para vários fins, como:

  • pagar dívidas para se organizar financeiramente;
  • abrir o próprio negócio;
  • comprar casa própria;
  • levantar capital para negociar.

A avaliação do imóvel é realizada por profissionais enviados pelas financeiras ou instituições bancárias. Dessa maneira, tudo vai acontecer de forma documentada e totalmente segura para ambas as partes, o que é de extrema importância.

home equity
Conheça o crédito com garantia de imóvel.

Qual a relação entre home equity e hipoteca?

A hipoteca tradicional e o home equity são duas modalidades de empréstimo que têm como principal garantia os imóveis dos credores. Mas não se engane, as duas modalidades não são exatamente a mesma coisa. A sua principal diferença está relacionada à propriedade.

No home equity, o imóvel é transferido imediatamente para o nome do banco ou da instituição credora. Em caso de inadimplência, a propriedade permanece com o credor sem que haja necessidade de intervenções judiciais. Já na hipoteca, o bem continua no nome do proprietário e, caso não haja pagamento, é necessária a ação judicial para que o imóvel seja transferido.

Devido a esse fator, que parece mais arriscado para os donos das casas ou apartamentos, o home equity concede vantagens que a hipoteca não pode fornecer. É importante analisar todos os fatores envolvidos, além das opções que o mercado proporciona e optar por aquela que apresenta mais benefícios.

Quais as vantagens do home equity?

De modo geral, podemos dizer que os empréstimos e créditos pessoais que têm taxas e juros mais baixos são boas alternativas. Por isso, o home equity se enquadra em tal categoria. Veja abaixo quais são as vantagens dessa modalidade!

Taxa de juros

Visto que o imóvel é a garantia de pagamento, o home equity apresenta taxas de juros muito inferiores às que são praticadas em outras modalidades de empréstimos do mercado. Essas taxas podem variar de 1 a 2% ao mês, o que torna a modalidade mais atraente para os clientes. Mas lembre que tudo isso somente é possível se o imóvel estiver livre e desembaraçado de outras obrigações.

Prazo estendido de pagamento

Outro benefício que se destaca é o tempo de pagamento do valor total. Os empréstimos home equity contam com prazos de pagamento mais prolongados que outras modalidades populares em nosso país. O período mínimo de contratação é de 36 meses, o que equivale a 3 anos, e o máximo varia conforme as políticas da empresa responsável, podendo chegar a 240 vezes, ou seja, 20 anos.

O prazo ofertado em empréstimos com garantia de imóvel é muito superior aos que os empresários recebem dos bancos. Tal característica atrai principalmente os empreendedores necessitados de mais capital de giro.

Maior valor de crédito

Além do mais, a modalidade home equity é uma das melhores alternativas para as pessoas interessadas em adquirir empréstimos acima de R$ 50 mil. O montante do crédito fornecido é calculado de acordo com o valor do imóvel, que passa por uma vistoria para a verificação do seu valor no mercado. A avaliação é feita por uma empresa terceirizada e, por tal razão, a segurança e a fidelidade nos números é confiável.

Após a avaliação da casa ou do apartamento, se o empréstimo for concedido, todas as despesas relativas ao crédito são diluídas entre as parcelas. Esses gastos que vão causar um pequeno aumento nas parcelas são relativos:

  • aos custos do cartório;
  • à avaliação do imóvel;
  • à abertura de crédito.

O aumento no valor a ser cobrado é tão pequeno que é quase imperceptível. Por isso não se preocupe com esses pequenos gastos que fazem parte do negócio, mas não se comparam aos juros cobrados em outros tipos de empréstimos.

Disponibilidade para quem está negativado

Outro ponto forte desse tipo de crédito é o fato de que as pessoas negativadas também podem adquirir o serviço. As restrições de CPF são percebidas, mas não impedem que a pessoa adquira os valores desejados. Inclusive, eles podem ser usados para quitar as dívidas adquiridas com o passar do tempo e que por alguma razão permanecem sem pagamento.

Tudo isso é possível porque o tomador do empréstimo oferece como garantia o seu imóvel já quitado, proporcionando segurança para a instituição que está emprestando o dinheiro. Por essa razão, a instituição financeira acredita que a inadimplência não vai ocorrer e os valores são liberados aos donos dos imóveis com mais facilidade.

Ainda que o crédito seja liberado, é importante evitar assumir outras dívidas para conseguir pagar as parcelas do empréstimo sem atrasos. Isso impede que o imóvel seja tomado pela instituição financeira, que não deseja tirar o bem imóvel dos credores, apenas quer receber os valores emprestados até a data do vencimento de cada parcela.

Enfim, o home equity é uma ótima oportunidade para aqueles que desejam conseguir recursos para investir em negócios, sem ter dificuldades em pagar as parcelas. Vale a pena lembrar que para isso é importante fazer um bom planejamento financeiro, o que vai possibilitar mais comodidade financeira e facilidade nas negociações.

Gostou do nosso artigo sobre o home equity? Compartilhe o nosso conteúdo no Facebook, Instagram e Linkedin e deixe os seus amigos por dentro do assunto!

Faça uma simulação e financie até 82%

Acompanhe

Acompanhe as nossas redes sociais e fique por dentro das novidades.